23.7.15

Sorebois, no alto de Grimentz

Como escrevi no post sobre Grimentz, a nossa ida até lá foi para conhecer a vilinha e para fazer caminhada nas montanhas (wandern), especificamente até Sorebois que é a primeira parada para quem vai subir até Zinal, no topo da região de Anniviers.

No dia que subimos não havia quase ninguém por lá, talvez devido à época de férias por aqui, com muita gente viajando para fora do país e tal.

Subindo... Grimentz vista do alto do cable
O cable que leva até os alpes
 O lado bom foi que tivemos a montanha praticamente toda só pra gente. rs...mas por outro lado, lá em cima não tinha nada funcionando, o restaurante estava fechado. Ainda bem que sempre levamos comida, alguma fruta e água na mochila, já mesmo pra evitar alguns apertos.

No cable, a caminho dos alpes
Por falar em apertos é super importante quando se vai caminhar nos alpes, calçar um tênis adequado para caminhadas nas montanhas. Acredite, um tênis adequado vai facilitar muito a sua vida lá em cima. Além disso carregar consigo uma blusa de fleece (mesmo no verão), que é um tecido que vai ajudar a fazer um tipo de isolamento térmico, e é usado como um peça intermediária entre a jaqueta e é super eficiente para atividades nas montanhas... além de uma jaqueta corta vento, um cachecol, (se for no verão pode ser de malha mesmo, no inverno, de lã), um boné/chapéu para se proteger do sol da montanha e protetor solar. Esse é o meu kit sobrevivência nos alpes, e tem funcionado!

Aminha blusa de fleece é mais ou menos parecida com essa

Eu, já paramentada para a caminhada

O nosso objetivo era chegar ao Corne de Sorebois e poder fotografar os picos que são chamados de a grande coroa.


A caminhada é um pouco cansativa sim, mas possível. E, lá em cima, a beleza é tamanha que não dá muito tempo de pensar no cansaço. A gente fica só contemplando mesmo...

A grande coroa
Imagino que para os praticantes de ski, deve ser algo mágico descer essas montanhas cobertas de neve. Só que nisso, ainda não me arrisquei!

No caminho, um lago artificial que foi formado devido as chuvas e ao degelo das montanhas
Nos meus primeiros dois anos morando aqui, ir para as montanhas para CAMINHAR era quase um martírio pra mim, rs... nas primeiras vezes o cansaço, principalmente se você não tiver muito preparo físico, será tremendo, mas com o tempo você vai pegando fôlego e quando percebe já consegue caminhar bem mais e sem se cansar tanto.

Ainda tem resquícios de neve nas montanhas. O topo fica sempre nevado.
Hoje em dia eu já gosto bastante de fazer "wandern". Acho gostoso subir às montanhas, principalmente quando está muito quente (como tem sido esse verão), já que lá em cima a temperatura é sempre mais fresca. Sem contar que depois eu me sinto super fit! hahaha, esportista mode on.


Claro que ainda estou muiiito longe de ser uma super esportista, como uma galera que tem por aqui e que se reune, chegando a caminhar um dia inteiro, ou durante vários dias, parando e dormindo em alguma "Hütte" (cabana) nas montanhas.


O Corne de Sorebois é um aglomerado de montanhas muito lindo e que circunda todo o vale de Anniviers, que é a região onde está Grimentz.

Infelizmente, vou ficar devendo alguns detalhes técnicos....eu não sei o nome das montanhas que compõem essa cadeia, tão pouco a direção em que elas se encontram. Melhor mesmo é perguntar isso a um suíço (rs). Eles têm um senso de direção e de geografia fora do comum!: sabem o nome de quase todas as montanhas e a altura delas, conseguem se orientar muito bem quando estão caminhando, sabendo se estão indo para o norte ou para sul, para o leste ou para o oeste. Parecem até que nasceram com uma bússola!


Além disso, o suíço, na sua essência, é um povo que gosta de caminhar. E mesmo quem não gosta, vai começar a se deparar com isso desde muito cedo. Suíço é um povo de montanha, não que todo mundo aqui goste de montanha, mas se tem algumas características de montanha que estão entranhadas no povo suíço, essas são o silêncio e a introspecção. A quietude, a tranquilidade e a calmaria.

Florzinhas típicas dos alpes
Isso é a Suíça.

6 comentários:

  1. É legal né fazer estas caminhadas. Acho que o cansaço se dá pelo fato do ar ser mais rarefeito nas altas altitudes e levá-se tempo mesmo pra se acostumar. Aqui na Holanda, que é um país abaixo do nível do mar eu estranhei o "ar", mais seco, diferente.
    Realmente são paisagens belíssimas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o ar lá no alto é mesmo rarefeito, mas com o tempo o corpo vai se adequando.
      A diferença do ar deve ser mesmo brutal em um país como a Holanda. Vontade de conhecer por ai....

      Excluir
  2. Ownn que paisagens mais lindas!!! E que saudades de wandern mesmo que as paisagens por onde eu passava não fossem assim tão belas, faz uma falta danada!!

    Beijokas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fazer wandern é mesmo uma delícia. No começo não era muito a minha praia não. Hoje eu adoro! Bjs

      Excluir
  3. Sandra, que coisa linda esse lago artificial, que cor é essa? Um milagre da natureza, puxa

    ResponderExcluir

Seu comentário é bem vindo! Obrigada!

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...